Segunda à sexta - 7:30 - 18:00

Sabados e domingos - Não atendemos

BENTO GONÇALVES: (54) 3052 0606

CARLOS BARBOSA: (54) 3461 8960

GUAPORÉ: (54) 3443 4542

NOVA BASSANO: (54) 2120 9990

NOVA PRATA: (54) 3242.7626

PARAÍ: (54) 2116 5003

VERANÓPOLIS: (54) 3441 1333/ 1229

VERANÓPOLIS: (54) 3441 1555

Onde estamos

Venha nos visitar

Dúvidas frequentes

A CVD preparou uma área exclusiva com perguntas e respostas que vão ajudar você a sanar dúvidas.

Mamografia Digital x Câncer de Tireóide

Circula nas redes sociais um vídeo em que uma moça alega que o dr. Drauzio Varella teria gravado um programa de TV em que afirmaria que o câncer de tireóide tem aumentado entre as mulheres por causa do excesso de radiação a que elas estariam expostas durante os exames de mamografia e radiografias odontológicas.

A mesma mulher critica os médicos por não oferecerem o protetor de tireóide durante os exames, o que ofereceria grave risco à saúde.

O conteúdo do vídeo não é verdadeiro.

A seguir, posicionamento do CBR (Colégio Brasileiro de Radiologia):

 

1) Não existem dados consistentes que demonstrem que uma mulher submetida a mamografia tenha aumento do risco de câncer de tireoide.

 

2) A dose de radiação para a tireoide durante uma mamografia é extremamente baixa (menor que 1% da dose recebida pela mama). Isto é equivalente a 30 minutos de exposição à radiação recebida a partir de fontes naturais.

 

3) Com base nesses dados, o risco de indução de câncer de tireoide após uma mamografia é insignificante (menos de 1 caso a cada 17 milhões de mulheres que realizarem mamografia anual entre 40 e 80 anos);

 

4) Além disso, o protetor de tireoide pode interferir no posicionamento da mama e gerar sobreposição – fatores que podem reduzir a qualidade da imagem, interferir no diagnóstico e levar à necessidade de repetições de exames.

 

5) Em nota, a Agência Internacional de Energia Atômica destaca: ”Na mamografia moderna, há uma exposição insignificante para outros locais que não seja a mama. O principal valor da utilização dos protetores de radiações é psicológico. Se tais protetores forem fornecidos, somente a pedido da paciente. O protetor não deve ser mantido em exposição na sala de exame. A presença dos aventais e colares na sala de mamografia pode sugerir que seu uso é uma prática aceitável, o que não é o caso.”

 

Portanto, o Colégio Brasileiro de Radiologia, a Sociedade Brasileira de Mastologia e a Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia reiteram a posição de NÃO RECOMENDAR O USO DO PROTETOR DE TIREOIDE EM EXAMES DE MAMOGRAFIA. Essa posição está de acordo com o posicionamento de outras entidades internacionais: American College of Radiology, American Society for Breast Disease, American Thyroid Association e International Atomic Energy Agency.

Fonte:https://cbr.org.br/nota-sobre-uso-de-protetor-de-tireoide-durante-mamografia-2/

VERANÓPOLIS

Anexo a Clinica Nossa Senhora de Lourdes

(54) 3441 1333/ 1229

VERANÓPOLIS

Anexo ao Hospital São Peregrino Lazziozi

(54) 3441 1555

PARAÍ

Anexo ao Hospital N. Sra. Aparecida

(54) 2116 5003

NOVA PRATA

Anexo ao Hospital São João Batista

(54) 3242.7626

NOVA BASSANO

Anexo ao Hospital N. S. de Lourdes

(54) 2120 9990

GUAPORÉ

Anexo ao Hospital Manoel Francisco Guerreiro

(54) 3443 4542

CARLOS BARBOSA

Anexo ao Posto de Saúde Central

(54) 3461 8960

BENTO GONÇALVES

Clínica Radiológica Especializada

(54) 3052 0606

Newsletter

Cadastre-se e receba novidades em seu e-mail.